Vinte e Alguma Coisa

Amor não é a resposta, trabalho também não é.... A verdade é tão incompreensível que dói... Mas eu continuo me divertindo e acho que essa é a chave.. Tenho vinte e poucos e continuarei sendo a mesma coisa....

Balanço de fim de semestre

6 comentários
Quando começou, tudo estava turvo, o ânimo não era dos melhores, as aulas não a atraíam, seria o primeiro semestre longe de sua turma. A situação não melhorava no campo amoroso, falhas e falhas, dor e angustia eram sua companhia mais freqüente. E o trabalho? Prefere não comentar.

O tempo foi passando, a situação foi piorando, atingiu aquela fase em que quase todos dizem:"Surtei ao vinte e poucos".Pensou em largar o emprego, em desistir da faculdade. Foi nesse semestre que descobriu o que é trancar uma matéria, o que é ter persistência, o que é respirar. Quis morrer e matar, por amor e por dor. Por outro lado, aprendeu a estudar cálculo, a ouvir Rosa de Saron, a conversar francamente com seus desejos, a não esperar reações das pessoas, voltou a freqüentar missas, assistir seriados, a confiar em algumas pessoas.

Agora, no finalzinho, nos últimos segundos do segundo tempo, descobriu que a dor passa, reconheceu uma pessoa super especial, superou parcialmente a crise do 'surtei aos vinte poucos' e aguarda cena nos próximos capítulos.

6 comentários :

Marcela Fernanda disse...

E nós aqui... tb aguardando as cenas do prox capitulo. E torcendo, peloo melhor! Abraços

dyanna disse...

Nice post.I like your blog.

Carla Leão disse...

Olha, antes tarde do que nunca! Final de semestre = descobertas.

Aguardo boas cenas dos próximos capítulos!

Bjos, bom fds.

Ivich disse...

Marcela,

vamos torcer para o melhor mesmo!

Ivich disse...

Dyanna,

que bom q gostou!

Ivich disse...

Carla,

ainda bem que existem finais de semestre!